Sabrina Ferigato tem 30 anos e quis mostrar na Internet como foi ter o seu filho, Lucas, hoje com cinco meses, em casa, com o auxílio de profissionais do grupo Samaúma, de São Paulo, que oferece ajuda a mulheres que desejem um parto humanizado.

Mas com o que a terapeuta ocupacional não contava era que o vídeo - 14 minutos de um parto de nove horas - tivesse tamanho sucesso.