VEJA TAMBÉM:


Os sacos com cocaína que apresentavam a fotografia de Amy Winehouse, encontrada morta no seu apartamento de Londres a 23 de julho, foram apreendidos pela polícia numa rusga à favela de Manguinhos, na zona norte do Rio de Janeiro.

As doses, que eram vendidas a preços entre os 10 e os 25 reais (4,50 a 11 euros), tinham a fotografia da cantora porque esta tinha a sua imagem associada ao consumo de drogas, explicou aos jornalistas o tenente-coronel Glaucio Moreira, da polícia militar, que avaliou a quantidade de droga encontrada em cerca de 30 mil reais ou 13 mil euros.