A polícia francesa, que está a investigar o acidente de esqui sofrido por Michael Schumacher, apreendeu uma câmara de filmar fixada no capacete do antigo piloto de fórmula 1, noticia hoje a agência France Presse.

Citando fonte próxima do processo, a AFP acrescenta que a porta-voz do piloto dissera que o capacete ficara partido em dois, mas que até agora se desconhecia a presença de uma câmara, não tendo sido divulgada a data da apreensão.

O filho Mick Schumacher, de 14 anos, e um seu amigo, que estavam com Michael aquando do acidente de ski nos Alpes franceses (Meribel, na Sabóia), foram ouvidos pela polícia, segundo a mesma fonte.