ESCONDIDINHO
Peixe fresquíssimo a €10

À segunda-feira não há peixe fresco nos restaurantes? No Escondidinho, perto do posto da GNR de Lagos, há e é muito saboroso. O rodízio de sardinhas e carapaus (€10) não inclui nem a salada (€3) nem a batata cozida (€1).
Mas não é por causa disso que os comensais deixam de registar, nas paredes brancas da esplanada, os seus recordes: a família Vilas Boas comeu 90 sardinhas, 30 carapaus e seis besugos; os Lopes ficaram-se pelas 75 sardinhas, cinco carapaus e um filete; os amigos Catarina, Amadeu, Carla, Telma e Nuno devoraram 99 sardinhas.
"Quem conseguir comer 40 não paga nada", desafia Gilberto Gonçalves, 59 anos, dono da casa há três décadas.
No dia em que lá estivemos, o peixe chegou de Olhão. Outra proveniência é Quarteira. Atrás do grelhador a carvão, Filipe, a quem todos chamam Pirata, põe quotidianamente a assar entre 50 quilos e 60 quilos de suculentas sardinhas.
Beco do Cemitério, 2, Lagos.
T. 282 760 386



MERCADO DE PEIXE DE OLHÃO
Peixe fresquíssimo a €10

Nas férias, outra forma de confecionar refeições económicas em casa e com produtos de excelência é comprando nos mercados.
O de Olhão desdobra-se em dois edifícios retangulares de vértices arredondados, com quatro torreões circulares nos extremos. De um lado, vendem-se frutas, legumes e carne; do outro, apenas o peixe.
É, diz quem sabe, o mais barato do Algarve, contrastando com os de Quarteira e de Faro. Às dez da manhã, como testemunhámos, as bancadas estão forradas de cavala, sardinha e carapau de todos os tamanhos; peixes-espadas esguios; douradas e robalos para escalar; caldeiradas à espera de cação, safio e tamboril; bife e barriga de atum; chocos, lulas e polvos, agrupados em família. Os frutos secos, o mel, os doces regionais, os queijos ou a flor de sal também marcam presença.


Clique para conhecer as outras pechinchas que escolhemos: