Lisboa, 18 jan (Lusa) - O primeiro-ministro, Pedro Passos Coelho, defendeu hoje que o Estado social construído nas últimas décadas "tem pés de barro" e que o Governo quer defendê-lo, tornando-o "sustentável" e "real".

"O Estado social que o país soube construir nas últimas décadas tem pés de barro", afirmou passos Coelho.

O primeiro-ministro respondia ao líder do BE e deputado João Semedo, que abriu hoje o debate quinzenal com o Governo, no Parlamento, e acusou o Executivo de fazer uma "terraplanagem" ao Estado social.