Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

  • Em Bragança, a herança dos cuscos está viva – e recomenda-se!

    O prato árabe tem um congénere nas cozinhas transmontanas: os cuscos, cujo pedido de inscrição no Inventário Nacional do Património Cultural Imaterial foi comandado pelo município brigantino. Um dos produtos usados como marca identitária da gastronomia de Bragança, com muito para descobrir, como se poderá ver no tema de abertura da VISÃO Se7e, esta quinta, 1, nas bancas. Veja o vídeo