Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

  • Ministério Público investiga suspeitas de favorecimento da câmara de Lisboa à Teixeira Duarte

    O DIAP de Lisboa abriu há meses um inquérito por a Câmara Municipal de Lisboa ter adjudicado obras de milhões à Teixeira Duarte, sem abrir concurso público, e contra pareceres técnicos. O caso ganha novos contornos com a descoberta de que Fernando Medina comprou, em 2016, um apartamento a um elemento da família que tinha uma participação na construtora. Já há cinco investigações contra a autarquia.