Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

  • Impasse na Catalunha: o que dizem os partidos portugueses

    O governo regional da Catalunha marcou um referendo sobre a independência da região para o próximo dia 1 de outubro. O Tribunal Constitucional de Espanha considerou o referendo ilegítimo por não respeitar a lei espanhola. No entanto, governantes catalães continuaram a organizar a votação e esta quarta-feira a Guardia Civil deteve 14 pessoas ligadas à organização do referendo. A polémica está instalada em Espanha. Mas o que dizem os partidos portugueses sobre tudo isto?

  • Cinco perguntas e respostas sobre o referendo catalão

    A 1 de outubro, os catalães vão ser chamados às urnas para decidir sobre a independência da ainda autonimia espanhola. Até lá, Madrid vai usar todos os meios para travar a consulta popular e um processo de rutura, que se está a tornar rapidamente na maior crise política de Espanha nas últimas décadas

  • Mundo

    Anxo Lugilde, em Espanha

    Eleições em Espanha: A confusão do costume

    Seis meses depois das últimas eleições, os espanhóis voltam às urnas para tentar resolver o impasse de governo em que o país mergulhou, mas o imbróglio pode manter-se, pois qualquer um dos quatro candidatos continua com aspirações a poder ser primeiro-ministro. Preparados para o grande jogo das coligações?

  • Mundo

    Anxo Lugilde, em Espanha

    Geringonças para Espanha

    Os espanhóis voltam este domingo às urnas para tentar resolver o impasse de governo em que o país mergulhou, mas o imbróglio pode manter-se. Preparados para o grande jogo das coligações?Que tipo de solução governativa pode sair das eleições?

  • As gravações que estão a abalar Espanha e a ressuscitar escândalos

    O ministro do interior de Espanha, Jorge Fernández Diáz, foi apanhado a conspirar para envolver políticos catalães em escândalos de corrupção. O El País recorda que não foi a primeira vez que se comprometeu. Há uns anos terá mudado as chefes das polícias de forma a criar um grupo para reunir informações contra os líderes dos partidos políticos independentistas