Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

  • Sócrates pediu cinco empréstimos à CGD

    Sócrates via-se confrontado várias vezes com a informação de que a sua conta bancária na Caixa Geral de Depósitos estava a descoberto. O Ministério Público acredita que, nesses momentos, e para que não entrassem na sua conta quantias em numerário que não poderia justificar, terá recorrido a empréstimos. Sócrates terá ainda exercido influências no Brasil e na Venezuela, tendo mesmo oferecido em troca de um encontro um comentário favorável na RTP