Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

  • Letras

    Fernando Guimarães

    Poesia pensada e poesia sentida

    "O que em mim sente está pensando" é uma afirmação de Fernando Pessoa que implica uma complementaridade ou acordo entre o pensamento e a emoção. Ela exprime, dentro do contexto do nosso Modernismo, uma reação ao subjetivismo não raro levado ao extremo quando, nas primeiras décadas do século passado, muitos poetas não se furtavam a um derramamento emocional que se diria vindo do Ultra-Romantismo. Sem dúvida que, conforme nos aproximamos dos nossos dias, a situação vai-se tornando diferente. Mas a "intelectualização das emoções" e a "emocionalização das ideias", a que Pessoa também se referia, não deixa de estar presente quando é sobre a poesia que se reflete.

  • Adília Lopes

    O que nos desarma em Adília Lopes é a impressão de que a mulher-a-dias desatou a escrever poesia. A estranheza que nos causa é a da erudição inesperada de uma doméstica, com todas as suas questões práticas e filosóficas passadas pela estética crua de versos sem um propósito de beleza, apenas a pragmática anotação dos tópicos.

  • Fernando Echevarría vence Correntes d'Escritas

    O prémio Casino da Póvoa, no valor de vinte mil euros, foi atribuído esta quinta-feira, na 16ª edição do festival Correntes d'Escritas, ao poeta Fernando Echevarría pelo seu livro de poemas Categorias e Outras Paisagens. Recordamos o autor e a obra premiada numa crítica de António Cortez  

  • Crónicas

    Fernando Guimarães

    O que pode ferir o que existe?

    A revista de poesia Relâmpago, publicada pela Fundação Luís Miguel Nava, dedica o seu mais recente número a uma reflexão sobre as relações entre a poesia e a morte.

  • Letras

    António Carlos Cortez

    António Ramos Rosa: O Poeta, o inominável

    Diga-se, antes de mais, que a chegada de António Ramos Rosa (ARR) ao catálogo da Assírio & Alvim constitui um dos momentos mais relevantes no que à edição de poesia em Portugal diz respeito.