A crise internacional pode estar a desacelerar o crescimento da economia chinesa, mas o número de milionários no país continua a crescer.

Segundo a revista Hurun , publicação local equivalente à Forbes , um em cada 1300 chineses já possui uma fortuna pessoal acima dos 10 milhões de yuanes (cerca de 1,3 milhões de euros), números que incluem apenas os habitantes da China continental, ficando de fora os endinheirados de Macau, Hong Kong, e Taiwan.

 

Os doutores e milionários da China

Ainda segundo a Hurun, uma das prioridades dos milionários chineses é investir na educação dos seus filhos no estrangeiro.

Aliás, na última década, revelou esta semana o Governo de Pequim, os estudantes a concluírem mestrados e doutoramentos mais do que duplicaram, atingindo este ano o número recorde de 684 mil.