Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Mano-a-Mana

Ler com os ouvidos

  • 333

Leia a crónica e ouça aqui o que leu contado pelo piano de Júlio Resende

Para a Carina

Há a benção de não ser filho único.

Ter tido alguém com quem guerrear sobre os brinquedos, imaginar casas feitas de lençóis, partilhar as birras, aturar as discussões dos pais, e ficar feliz de alegria vívida quando todos juntos fazíamos um piquenique no meio de um qualquer pinhal.

Todos nós sabemos que a memória é um dia nublado, que só encontra verdadeira luz na partilha com outra pessoa que tenha a mesma memória. Ter um irmão é saber-se que a qualquer momento o sol pode entrar na tua vida e fazer-te uma visita para almoçar.

E que não há puzzle nenhum sobre a tua vida que não possas resolver no meio de tanta comida.