Este "anúncio" é, obviamente, uma brincadeira, mas apropriada ao que se passou na primeira conferência do chamado "Dream Team", no principal auditório do Centro de Imprensa. Perante centenas de jornalistas, ordeiramente sentados na plateia e "primeiro balcão", com dezenas de câmaras de televisão, gravadores e máquinas fotográficas em punho, os responsáveis da equipa tiveram a ideia de separar os vários atletas e convidar os repórteres a entrevistá-los individualmente. Resultado: revolução na sala, corrida por cima das cadeiras, com 90% dos jornalistas a tentarem chegar primeiro a Kobe Bryant, a estrela maior da "companhia". Durante cerca de 20 minutos, a conferência de imprensa tornou-se numa espécie de jogo do empurra. Em    que ganharam, claro, os mais altos e mais fortes.