O tenista sérvio Novak Djokovic, primeiro do "ranking" mundial, venceu hoje pela terceira vez consecutiva o Open da Austrália, primeiro "Grand Slam" do ano, ao bater na final o britânico Andy Murray.

Djokovic venceu Murray em quatro "sets", pelos parciais de 6-7 (2-7), 7-6 (7-3), 6-3 e 6-2.

O líder da hierarquia, que também já havia ganho em Melbourne em 2008, passou a somar seis títulos no "Grand Slam", pois também venceu em Wimbledon e o US Open, em 2011, e um total de 35 no circuito mundial.