À chegada, cada convidado entrega a t-shirt com que dormiu na noite anterior e que será cheirada posteriomente por todos os outros participantes. Depois, é só cheirar as t-shirts disponíveis e e escolher uma. No passo seguinte, um fotógrafo mostra a peça em causa, a imagem é projetada num ecrã-gigante e o proprietário dá-se a conhecer.

Segundo a Associated Press, estas festas já se realizaram em várias cidades norte-americanas, incluindo Nova Iorque e Los Angeles, mas começaram como uma simples experiência de uma mulher californiana que se fartou dos relacionamentos que começavam online.

Na base desta tentativa de encontrar o parceiro ideal através do cheiro estão vários estudos científicos que mostram que os seres humanos podem usar, na realidade, o olfato para descartar combinações genéticas que poderiam dar origem a descendência débil.