Ao longo de quatro meses, no último inverno marciano, a sonda captou centenas de imagens do que estava à volta do qual onde esteve estacionada, a recolher dados.

Agora, uma cobinação das fotografias, captadas entre dezembro de 2011 e maio deste ano, oferecem a imagem inédita de uma paisagem de Marte.

No seu site, a agência espacial norte-amerincana descreve a imagem panorâmica - que mostra a cratera Endeavour - como "a melhor coisa a seguir estar lá". 

As marcas no solo são rastros da própria sonda e, em baixo, vêem-se os painéis solares do veículo.