Ebony Berry, de 38 anos, ter-se-á recentemente juntado a um grupo "pró-fome" no Facebook e, segundo os familiares, citado pelo tablóide Daily Mail, castigava regularmente a filha, Markea Blakely-Berry.

Na última sexta-feira, o pai da adolescente recebeu uma chamada da ex-mulher a avisar que a filha tinha desmaiado. Quando a polícia chegou, já a encontrou sem vida.

A mãe enfrenta agora acusações de homicídio e crueldade contra crianças por suspeitas de deixar a filha morrer de fome. 

Segundo a avó paterna da vítima, Ebony Berry "odiava" a filha.