Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Zon/Optimus: Vodafone quer monitorização dos contratos do mercado de conteúdos

Lusa

  • 333

Lisboa, 11 jul (Lusa) - A Vodafone considerou hoje que a Autoridade da Concorrência (AdC) tem de fixar obrigações de monitorização de todos os contratos sobre o mercado de conteúdos no âmbito do processo de fusão das operadoras de telecomunicações Zon e Optimus.

No último dia do prazo para que os contra-interessados neste processo de fusão se pronunciem sobre o negócio, a Vodafone reiterou "a necessidade de serem fixadas obrigações de monitorização de todos os contratos relativos ao mercado de conteúdos, nomeadamente no que se refere a conteúdos premium desportivos e cinematográficos, por forma a assegurar de imediato condições de maior concorrência em todos os mercados relevantes de conteúdos".

Em comunicado hoje emitido, a operadora considera que "alguns dos remédios apresentados [para a fusão se dar] visam salvaguardar a sã concorrência e o bom funcionamento do setor das telecomunicações", mas realça que "os compromissos não refletem qualquer preocupação relativamente ao impacto que esta operação de concentração pode provocar noutros mercados, em particular na área dos conteúdos".