Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Xanana confirma acusação de espionagem feita à Austrália nas negociações do gás e petróleo

Lusa

  • 333

Díli, 07 mai (Lusa) - O primeiro-ministro de Timor-Leste, Xanana Gusmão, confirmou hoje à agência Lusa as acusações de espionagem feitas à Austrália relacionadas com acesso a informação confidencial durante as negociações sobre o gás e o petróleo do Mar de Timor.

"Eu não teria tomado nenhuma decisão tão grave se não tivesse bases sólidas. Não gosto de brincar. Eu sou assim, não tomo decisões de ânimo leve", disse Xanana Gusmão, quando questionado pela Lusa sobre aquele assunto.

Em causa está o Tratado sobre Determinados Ajustes Marítimos no Mar de Timor (CMATS, sigla em inglês) assinado pelos dois países em 2007 para facilitar a exploração de gás e petróleo no Mar de Timor, na zona fora da Área Conjunta de Desenvolvimento do Petróleo (JPDA).