Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Wimbledon: Murray continua a evitar a maldição de Fred Perry

Lusa

  • 333

Londres, 03 jul (Lusa) -- A esperança dos adeptos de ver um britânico vencer Wimbledon, 77 anos depois de Fred Perry, manteve-se hoje intacta com o apuramento de Andy Murray para as suas quintas meias-finais consecutivas no "Grand Slam" londrino.

A maldição que impede os britânicos de conquistarem o seu torneio desde 1936 esteve prestes a repetir-se, quando o segundo tenista mundial perdeu os dois primeiros "sets", por 6-4 e 6-3, diante de Fernando Verdasco.

Afastado dos primeiros lugares do "ranking" mundial nos últimos meses, o espanhol (54.º) mostrou, nos dois primeiros parciais, o ténis que o levou às meias-finais do Open da Austrália em 2009, mas permitiu a entrada em jogo de Murray, que fechou o terceiro num rápido 6-1.