Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Vuelta: Michael Morkov "roubou" a etapa a Tony Martin

Lusa

  • 333

Cáceres, Espanha, 29 ago (Lusa) - O dinamarquês Michael Morkov (Saxo-Tinkoff) vai ficar na história como vencedor da sexta etapa da Volta a Espanha, num final ao sprint, em Cáceres, mas o alemão Tony Martin merecia outro desfecho para a sua jornada heroica.

O bicampeão do Mundo de contrarrelógio chamou a si o protagonismo da etapa desde as primeiras pedaladas, ao fugir ainda em Guijuelo, e levou-o até onde não se julgava ser possível. Tivesse esta tirada de 175 quilómetros menos 20 metros e a vitória não escaparia ao corredor da Omega Pharma-Quick Step.

De forma cruel, com a meta bem à vista, Tony Martin viu-se ultrapassado pelos primeiros homens do pelotão, com o campeão dinamarquês à cabeça, seguido pelo italiano Maximiliano Richeze (Lampre), segundo em duas etapas consecutivas, e pelo suíço Fabian Cancellara (RadioShack), num dia sem sobressaltos para os favoritos, em que o italiano Vincenzo Nibali (Astana) manteve a liderança.