Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Volta a Itália: Rigoberto Uran venceu, mas foi Vincenzo Nibali quem convenceu

Lusa

  • 333

Planalto de Montasio, Itália, 14 mai (Lusa) -- O ciclista colombiano Rigoberto Uran (Sky) não esperou pelo líder Bradley Wiggins e partiu em solitário até ao Planalto de Montasio, onde o italiano Vincenzo Nibali se assumiu como principal favorito para ganhar a Volta a Itália.

À décima etapa, a caravana do Giro enfrentou a primeira jornada de alta montanha desta edição, um total de 167 quilómetros entre Cordenons e o Planalto de Montasio, e saiu dela com grandes conclusões, sendo a primeira delas a de que é Nibali e não Wiggins o grande candidato à vitória final.

Num dia em que Tiago Machado foi o melhor português, na 29.ª posição, e até andou em fuga, Rigoberto Uran, vencedor com o tempo de 04:37.42 horas, reforçou os créditos de trepador nato e, aproveitando o dia menos bom do chefe de fila da Sky, teve ordens da equipa para avançar em solitário e arrancou a oito quilómetros da meta.