Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Volkswagen rejeita no tribunal de Aveiro qualquer defeito no airbag de viatura acidentada

Lusa

  • 333

Aveiro, 21 fev (Lusa) - A Volkswagen rejeitou hoje em tribunal a existência de qualquer defeito no airbag da viatura de uma mulher que ficou cega na sequência de um acidente de viação, em Aveiro, e que reclama uma indemnização de 883 mil euros.

Os factos remontam a 21 de março de 2005, quando Edite Paciência, de 37 anos, que circulava na estrada do Carrajão, em Oliveirinha, Aveiro, colidiu de frente contra um pesado de mercadorias.

A automobilista alega que embateu de forma "violentíssima" com a face no volante, porque o airbag não abriu, tendo sofrido lesões que a deixaram com uma incapacidade total e permanente de 96,95%.