Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Vítor Bento considera consenso sobre insustentabilidade do Estado "o primeiro desafio" do país

Lusa

  • 333

Lisboa, 15 jan (Lusa) - O economista Vítor Bento considerou hoje que "o primeiro desafio" que o país enfrenta é o de chegar ao consenso de que o Estado como temos não é financeiramente sustentável, menorizando algumas "divergências" que fazem parte da "encenação política".

"O primeiro desafio que a sociedade tem é reconhecer esta insustentabilidade [financeira do atual Estado], porque se não for reconhecida não vale a pena discutirmos medidas", afirmou o conselheiro de Estado em declarações à comunicação social no final da sua intervenção na conferência "Pensar o futuro - um Estado para a Sociedade", sublinhando manter "a esperança de que nós conseguiremos, enquanto sociedade, consensualizar soluções e assegurar o futuro".

Sobre as eventuais dificuldades na obtenção do necessário consenso no diagnóstico, o economista lembrou o princípio antigo que diz que a necessidade é mestra do engenho. "O facto de nós vivermos num estado de necessidade e de termos riscos pela frente, vai facilitar que o consenso seja procurado e atingido", afirmou.