Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Violentas ações de protesto de trabalhadores agrícolas na região sul-africana de Cabo Ocidental

Lusa

  • 333

Joanesburgo, 14 nov (Lusa) - Estradas bloqueadas com pneus a arder, lojas saqueadas e confrontos com forças policiais voltaram hoje a dominar as zonas rurais sul-africanas do Cabo Ocidental, onde milhares de trabalhadores agrícolas lutam por melhores salários.

As ações de protesto dos trabalhadores agrícolas, que se iniciaram há mais de uma semana na região de De Doorns, no vale de Hex River, em explorações vinícolas, propagaram-se já a pelo menos 16 outras zonas da província, com maior intensidade em Ceres, Robertson, Prince Alfred e Somerset West, disseram hoje autoridades provinciais.

A gravidade da situação levou esta manhã a governadora do Cabo Ocidental e líder da oposição, Helen Zille, a pedir a intervenção das forças armadas, face a uma clara insuficiência de recursos policiais nas zonas afetadas.