Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Vinte sete pessoas foram detidas este ano por fogo posto - MAI

Lusa

  • 333

Porto, 20 ago (Lusa) -- O Ministro da Administração Interna anunciou hoje no Porto que já foram detidas este ano 27 pessoas suspeitas de fogo posto, afirmando que as forças de segurança têm feito um trabalho com resultados mais visíveis do que em anos anteriores.

Questionado sobre a proposta do presidente da Liga dos Bombeiros Portugueses, Jaime Soares, que defende a revisão do Código Penal no sentido de se proceder a uma maior criminalização para o crime de fogo posto, o ministro disse que "essas matérias já foram equacionadas em tempos idos".

"É uma proposta que fica feita pelo presidente da Liga, todos temos naturalmente a ideia de que quem pratica crimes desses merece uma sanção", acrescentou Miguel Macedo que falava na inauguração das obras de recuperação da Esquadra do Infante, no Porto.