Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Vincenzo Nibali está a 9,2 quilómetros de revalidar título no Tirreno-Adriático

Lusa

  • 333

Porto Sant'Elpidio, Itália, 11 mar (Lusa) -- O ciclista italiano Vincenzo Nibali ficou hoje mais perto de revalidar o título no Tirreno-Adriático, depois de aproveitar a dureza da sexta etapa, ganha por Peter Sagan, para roubar a liderança a Chris Froome.

Só um "desastre" na crono-escalada, que terça-feira decide a classificação geral final da prova italiana, pode impedir Nibali, segundo na etapa, atrás do eslovaco da Cannondale, de repetir o triunfo conquistado na edição passada.

O líder da Astana, que na véspera tinha cedido terreno para todos os adversários, corrigiu os erros e, juntamente com Sagan e Joaquim Rodríguez, chegou isolado à meta, colocada em Porto Sant'Elpidio, o mesmo sítio de onde tinham partido 209 quilómetros antes, para conquistar uma vantagem dificilmente recuperável pelos seus adversários.