Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Vice-presidente venezuelano acusa Obama de atacar Chávez "sem justificação"

Lusa

  • 333

Caracas, 16 dez (Lusa) -- O vice-presidente e ministro dos Negócios Estrangeiros da Venezuela, Nicolás Maduro, acusou, este sábado, o Presidente norte-americano, Barack Obama, de atacar "sem justificação" Hugo Chávez, a recuperar da operação a que foi submetido, em Cuba.

Ao intervir numa cerimónia do oitavo aniversário da criação da Alternativa Bolivariana para as Américas (Alba), Nicolás Maduro fazia referência às declarações de Obama, que numa entrevista televisiva, disse que os venezuelanos devem ter direito de decidir sobre o seu futuro.

"O Presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, prestou umas declarações verdadeiramente indignantes, tristes, lamentáveis, repudiáveis e miseráveis", argumentou Nicolas Maduro.