Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Viana do Castelo admite encerrar equipamentos face ao aumento de 5 % nas contribuições para a CGA

Lusa

  • 333

Viana do Castelo, 25 out (Lusa) - O presidente da Câmara de Viana do Castelo admitiu hoje cortar os apoios sociais e encerrar equipamentos face ao previsto aumento em 05 % por cento nas contribuições dos municípios para a Caixa Geral de Aposentações (CGA).

"O Estado diz que não corta nas transferências da administração central para as autarquias, mas depois vai buscar cinco % através dos impostos. É uma proposta insustentável", afirmou hoje o socialista José Maria Costa.

Em causa está a proposta de Lei do Orçamento do Estado para 2013 que, segundo a Câmara, se traduz num aumento de cinco por cento a pagar pelos municípios para a CGA e que abrange "a quase totalidade dos trabalhadores municipais em funções públicas".