Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Vereador admite suspensão da maioria das alterações previstas para as Avenidas Novas, em Lisboa

Lusa

  • 333

Lisboa, 26 fev (Lusa) -- O vereador da Mobilidade na câmara de Lisboa admitiu que a maioria das alterações previstas para as Avenidas Novas fica suspensa devido à não aprovação do Orçamento camarário, avançado apenas a reposição de autocarros na avenida Duque de Ávila.

Numa resposta à Associação de Moradores das Avenidas Novas, hoje divulgada, Nunes da Silva afirma que, "devido aos problemas registados com a (não) aprovação do orçamento da Câmara Municipal de Lisboa (CML), é possível que as intervenções previstas inicialmente para as Avenidas Novas venham a ter de ser substancialmente reduzidas".

"Das ações previstas, a que irá ser implementada num prazo mais curto -- duas semanas mais ou menos - será a da reposição da circulação de autocarros na Avenida Duque de Ávila, a qual está dependente da conclusão do terminal e paragem no topo norte da alameda Afonso Henriques e da colocação dos respetivos abrigos", lê-se na resposta.