Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Vento interrompe terceiro dia do Azores Pro já sem portugueses em competição

Lusa

  • 333

Ponta Delgada, 05 Set (Lusa) - O Azores Pro, quinta etapa "prime" do circuito mundial de qualificação de surf, a decorrer nos Açores, foi hoje interrompida devido ao vento, depois de concluída a segunda ronda, que ditou o afastamento Frederico Morais, único português em prova.

"Hoje fomos mais afetados pelo vento. Um vento do quadrante norte, a rodar para nordeste, é um vento que está por trás da onda e o vento bom para o surf é que o vai da terra para o mar. Este é o oposto, vem do mar para terra, e destrói as ondas, não as deixa crescer", afirmou o diretor da prova, Rodrigo Herédia.

A interrupção na praia de Santa Bárbara, na ilha de São Miguel, ocorreu já depois de Frederico Morais ter sido eliminado, numa das últimas baterias da segunda ronda, dominada pelo brasileiro Wiggolly Dantas e em que o havaiano Ezekiel Lau levou a melhor, garantindo a segunda vaga de acesso à terceira ronda.