Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Vale e Azevedo conhece hoje decisão sobre apropriação de verbas do Benfica

Lusa

  • 333

Lisboa, 02 jul (Lusa) - O acórdão em que Vale e Azevedo é acusado de apropriação de mais de quatro milhões de euros do Benfica, resultantes de transferências de futebolistas, é hoje conhecido, na 3.ª Vara Criminal de Lisboa.

O início da leitura da decisão, a cargo do presidente do coletivo de juízes José Barata, está marcada para as 9:30, de um processo, no qual Vale e Azevedo, presidente do Benfica de novembro de 1997 a outubro de 2000, é acusado também de branqueamento de capitais, falsificação de documento e abuso de confiança.

Neste processo, estão em causa as transferências dos futebolistas britânicos Gary Charles e Scott Minto, do brasileiro Amaral e do marroquino Tahar El Khalej.