Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Valadares: Trabalhadores decidiram em plenário impedir a entrada de viaturas e de pessoas na empresa

Lusa

  • 333

Porto, 14 ago (Lusa) -- Os trabalhadores da Cerâmica de Valadares, Vila Nova de Gaia, decidiram hoje em plenário impedir a entrada de viaturas e de pessoas nas instalações da empresa até que "alguém da administração" garanta o pagamento dos salários em atraso.

"Quem sair, já não entra", disse à Lusa Daniel Gonçalves, da comissão de trabalhadores, garantindo que se irão manter à porta da fábrica durante todo o dia.

Os cerca de 200 trabalhadores que se encontram em situação de lay-off desde junho têm em atraso os salários de maio, julho e subsídio de férias.