Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Valadares: Sec, Est.da Solidariedade garante que foram desencadeadas iniciativas de fiscalização (C/ÁUIDIO)

Lusa

  • 333

Porto, 10 ago (Lusa) -- O Secretário de Estado da Solidariedade e da Segurança Social garantiu hoje que foram desencadeadas as iniciativas de fiscalização sobre o não-pagamento" dos salários dos funcionários da Cerâmica de Valadares (Gaia) em 'layoff' desde junho.

À margem de uma visita à sede nacional da Rede Europeia Anti-Pobreza, no Porto, Marco António Costa disse que se a Cerâmica de Valadares estiver a usar o dinheiro do layoff para outro fim que não seja o pagamento de salários aos funcionários estará a cometer um "crime".

"Se fizer isso, a empresa está a cometer um crime, e a partir do momento em que esse assunto foi noticiado foram despoletadas as iniciativas decorrentes dessa situação", declarou, sem acrescentar mais nada sobre o assunto.