Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

União entre a Fiat e a americana Chrysler "é irreversível" - Presidente da Fiat

Lusa

  • 333

Toronto (Canadá), 31 jan (Lusa) - O presidente da Fiat e da Chrysler, Sergio Marchionne, afirmou que a união dos dois grupos automobilísticos "é irreversível" e que gostaria que a marca italiana tomasse todo o capital da Chrysler o antes possível.

Durante uma conferência telefónica com analistas e meios de comunicação, Sergio Marchionne também revelou que a marca Jeep será a base de crescimento do grupo durante os próximos anos. "Se tivesse mais Jeep venderia mais Jeep", acrescentou.

Questionado sobre para quando a Fiat ficará com a totalidade das ações do grupo Chrysler, o gestor respondeu rapidamente que o faria "tão depressa quanto possível".