Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Um francês e um britânico foram detidos na Somália por alegada espionagem

Lusa

  • 333

Mogadíscio, Somália, 19 nov (Lusa) -- As autoridades da região semi-autónoma de Puntland, no norte da Somália, anunciaram hoje que detiveram um francês e um britânico por alegada espionagem.

"Detivemos uma rede de espiões que entraram no país disfarçados de funcionários de uma organização não-governamental", disse aos jornalistas o ministro da Segurança de Puntland, Kalif Ise Mudan.

O governante explicou que os dois detidos estavam a ser vigiados "há muito tempo" e foram apanhados "a fazer algo de diferente do que alegavam estar a fazer" ao indicar que estão detidos em Garowe, a principal cidade de Puntland.