Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

UE/Cimeira: Seguro diz que Parlamento teve hoje "um dia triste"

Lusa

  • 333

Lisboa, 21 nov (Lusa) - O secretário-geral do PS considerou que o Parlamento teve hoje um dia triste ao inviabilizar a votação de uma resolução socialista sobre a posição de Portugal nas negociações do quadro financeiro da União Europeia até 2020.

António José Seguro falava aos jornalistas, depois de PCP, Bloco de Esquerda e "Os Verdes" (com a abstenção da maioria PSD/CDS) terem inviabilizado o consenso para que fosse votada uma resolução do PS sobre a posição a adotar por Portugal na cimeira extraordinária da União Europeia, na quinta e sexta-feira em Bruxelas.

"Quero lamentar a insensibilidade que constituiu a oportunidade perdida de o Parlamento português [de ter uma posição] antes de um importante Conselho Europeu, que discutirá o quadro financeiro até 2020, o maior volume de dinheiros públicos que serão colocados à disposição de Portugal nos próximos anos.