Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

UE/Cimeira: Cameron diz que nova proposta de orçamento é insuficiente e pede mais cortes

Lusa

  • 333

Bruxelas, 23 nov (Lusa) -- O primeiro-ministro britânico, David Cameron, considerou hoje insuficientes as alterações incluídas na nova proposta de orçamento comunitário para 2014-2020, afirmando ser necessário "um corte razoável".

"Não creio que até agora tenha havido avanços suficientes. Há um problema, já que não houve progressos suficientes nas propostas de cortes na despesa adicional", afirmou Cameron, à entrada para o segundo dia da cimeira europeia extraordinária sobre o orçamento da União Europeia (UE), em Bruxelas.

O primeiro-ministro britânico disse ainda que "não é o momento de fazer pequenos ajustes, nem de tirar dinheiro de uma parte do orçamento para outra", e que é necessário fazer "um corte de despesa razoável", que é o que está a acontecer com o Reino Unido e o "que tem de acontecer" no orçamento comunitário.