Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

UE pede eleições rápidas no Egito depois da deposição de Morsi

Lusa

  • 333

Bruxelas, 04 jul (Lusa) - A chefe da diplomacia europeia, Catherine Ashton, apelou hoje a um rápido regresso à democracia no Egito, depois do exército ter deposto o Presidente islamita Mohamed Morsi, na quarta-feira.

"Estou a acompanhar os desenvolvimentos mais recentes no Egito e tenho perfeita consciência das profundas divisões na sociedade, das exigências populares para uma mudança política e dos esforços para alcançar um compromisso", afirma Ashton num comunicado.

"Apelo a todas as partes para que regressem rapidamente a um processo democrático, incluindo a realização de eleições presidenciais livres e imparciais e a aprovação de uma constituição", acrescentou.