Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

UE: França e Itália negam ter solicitado aplicação imediata dos acordos da cimeira de junho

Lusa

  • 333

Paris, 24 jul (Lusa) -- A França e a Itália negaram hoje de forma categórica que tenham solicitado com a Espanha a "aplicação imediata" dos acordos da cimeira de Bruxelas no final de junho, como referiu previamente um comunicado do governo espanhol.

"Não se registou qualquer iniciativa comum com a Itália e a Espanha. Não pedi a aplicação imediata dos acordos. Estamos a acompanhar e a trabalhar sobre as decisões tomadas", assegurou em entrevista à agência noticiosa AFP o ministro francês dos Assuntos Europeus, Bernard Cazeneuve. "Afirmar isso não tem qualquer sentido. A questão não foi abordada entre nós", frisou.

Em Roma, o executivo italiano também negou categoricamente que tenha apelado juntamente, com a Espanha, para uma aplicação das medidas aprovadas na cimeira do Conselho Europeu de junho. O Governo de Mario Monti exprimiu "estupefação face à iniciativa anunciada pelo Ministério espanhol dos Negócios Estrangeiros e relacionada com uma suposta declaração conjunta da Espanha, Itália e França, uma iniciativa da qual o executivo italiano não foi informado".