Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

UE cria dilema a Netanyahu ao excluir territórios ocupados de financiamento

Lusa

  • 333

Jerusalém, 17 jul (Lusa) -- A iniciativa da União Europeia de excluir os territórios ocupados por Israel da cooperação com este Estado está a colocar o Governo de Netanyahu perante o dilema de perder dinheiro ou reconhecer que as colónias estão no estrangeiro.

Vários responsáveis e comentadores comentaram ao longo do dia de hoje os efeitos das "linhas diretoras" da União Europeia (UE), adotadas em junho e que devem ser publicadas oficialmente na sexta-feira.

Estas orientações dispõem que a partir de 2014 todos os acordos com Israel devem especificar que não se aplicam aos territórios ocupados por Israel desde 1967, o que significa Cisjordânia, Jerusalém-Leste, Faixa de Gaza e os Montes Golã.