Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

UE: Clube de Berlim propõe fundo monetário europeu

Lusa

  • 333

Bruxelas, 20 set (Lusa) -- A criação de um fundo monetário na Zona Euro, a partir dos atuais fundos de resgate, para evitar crises orçamentais, é defendida por 11 Estados membros, entre os quais Portugal, reunidos no designado Clube de Berlim, noticia a Efe.

A proposta consta de um documento, a que a agência noticiosa teve acesso, e foi consagrada na segunda-feira, durante uma reunião informal de representantes de Alemanha, Áustria, Bélgica, Dinamarca, Espanha, França, Itália, Luxemburgo, Países Baixos, Polónia e Portugal.

"A médio prazo, a Zona Euro deve ser capaz de resolver por si potenciais problemas. Neste sentido, o mecanismo europeu de estabilidade deve desenvolver-se mais até se converter num 'fundo monetário europeu' com os poderes devidos", assinala o texto.