Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Tunísia: Portugal condena "firmemente" o assassinato de Chokri Belaid

Lusa

  • 333

Lisboa, 08 fev (Lusa) - Portugal condenou hoje "firmemente" o assassinato de Chokri Belaid, secretário-geral do Partido dos Patriotas Democratas Unidos da Tunísia, e acompanha com "preocupação" a situação no país, indica um comunicado do Ministério dos Negócios Estrangeiros (MNE).

"Portugal condena toda a violência política e acompanha com preocupação a evolução da situação, esperando que prevaleça a moderação e a calma", refere um comunicado do MNE português.

Chokri Belaid foi morto a tiro na quarta-feira, em Tunes. O irmão, Abdelmajid Belaid, e a viúva acusaram o Ennahda (força de tendência islamita, no poder) de ser responsável pela sua morte.