Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Tunísia: Marzuki garante a Ben Ali um "processo justo"

Lusa

  • 333

Paris, 17 jul (Lusa) -- O Presidente da Tunísia declarou hoje, em Paris, que pode "garantir um processo justo" e a "segurança física" ao antigo chefe de Estado Zine El Abidine Ben Ali, refugiado na Arábia Saudita desde janeiro de 2011.

Moncef Marzuki afirmou estar "muito surpreendido pela proposta de Ben Ali de devolver à Tunísia uma parte" dos bens na Suíça, antes de sublinhar: "não queremos uma parte, queremos tudo".

"Consideramos que aquilo que este homem e a família roubaram à Tunísia está avaliado em muitos milhares de dólares e que é a totalidade desse dinheiro que deve ser devolvida à Tunísia", insistiu Marzuki, durante uma conferência de imprensa conjunta com o homólogo francês, François Hollande.