Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Tribunal reduz multa aplicada a Pingo Doce por promoções no 1.º de Maio

Lusa

  • 333

Lisboa, 25 mar (Lusa) - O Tribunal de Concorrência, Regulação e Supervisão manteve a condenação ao Pingo Doce pelas promoções do 1.º de Maio de 2012, mas reduziu o número de infrações e o valor da multa para metade, de acordo com a AdC.

Num comunicado divulgado na sua página eletrónica, a Autoridade da Concorrência (Adc) adianta que no processo em que o Pingo Doce, do grupo Jerónimo Martins, é arguido, devido à campanha conhecida pelos "50% de desconto que conferia em compras de valor superior a 100 euros", a sentença datada de 19 de fevereiro último manteve a condenação, mas reduziu multa e número de infrações.

O Tribunal da Concorrência, Regulação e Supervisão entendeu que "havia apenas uma infração (na decisão da AdC a mesma fora condenada por 15 infrações) e reduzido a coima para 12.000 euros", menos de metade do valor da multa atribuído pela AdC, que era de 29,9 mil euros.