Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Tribunal espanhol condena farmacêutica a indemnizar afetados da talidomida

Lusa

  • 333

Madrid, 20 nov (Lusa) -- Um tribunal espanhol condenou hoje a farmacêutica Grünenthal ao pagamento de uma indemnização aos afetados da talidomida que reclamaram 204 milhões de euros pelas deformações que lhes causou esse medicamento.

A decisão, que pode ser ainda passível de recurso no prazo de 20 dias, foi apresentada hoje pelo tribunal de Primeira Instância número 90 de Madrid, que analisou a queixa apresentada por 180 vítimas da talidomida.

Na sentença, a juíza Gemma Susana Fernández Díaz responde a parte do pedido dos queixosos, condenado a farmacêutica alemã ao pagamento a cada um dos afetados de 20 mil euros por cada ponto percentual de invalidez que lhes tenha sido reconhecido pelas autoridades.