Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Tribunal condenou a 17 anos de prisão o jovem que matou o pai à facada

Lusa

  • 333

Vila do Conde, 11 jan (Lusa) -- O Tribunal de Vila do Conde condenou hoje a 17 anos de prisão o jovem que matou o pai à facada, em novembro de 2011.

O tribunal optou por inserir o arguido num regime especial para jovens, porque, e "apesar da extrema gravidade dos factos", teve em conta a "conduta de vida" de Miguel Cadilhe, à data dos factos com 20 anos, o facto de ser "estudante universitário", de demonstrar "imaturidade de sentimentos" e de ter sido "motivado por um desejo de vingança" apenas direcionado para o pai, "não sendo um perigo para a sociedade".

Neste regime, a pena de prisão para homicídio qualificado é menor, uma vez que vai dos dois aos 16 anos de prisão, sendo que num regime normal a pena iria dos 12 aos 25 anos.