Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Tribunal brasileiro proíbe cultos religiosos nos comboios do Rio de Janeiro

Lusa

  • 333

Rio de Janeiro, 06 jun (Lusa) -- Um tribunal brasileiro proibiu na quarta-feira os cultos religiosos nos comboios do Rio de Janeiro, depois de várias queixas de passageiros, informou a agência Efe.

A decisão judicial obriga a empresa SuperVia, que gere as linhas de comboio das imediações do Rio de Janeiro, a colocar cartazes nas carruagens a informar da proibição, segundo um comunicado do Ministério Público brasileiro.

A empresa recebeu mais de uma centena de queixas de passageiros, que se sentiram incomodados com os sermões, "fortes alaridos", cânticos, "gritos e ofensas verbais contra os que não têm a mesma fé" a que assistiam quando viajavam de comboio.