Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Três jogadores rescindem com a Naval 1.º de Maio por salários em atraso

Lusa

  • 333

Lisboa, 20 jun (Lusa) -- Tiago Mesquita, Diogo Vila e Pedro Moreira rescindiram unilateralmente os respetivos contratos com a Naval 1.º de Maio, alegando salários em atraso, revelou hoje o Sindicato do Jogadores Profissionais de Futebol (SJPF), em comunicado.

De acordo com o organismo, os três jogadores estão com seis meses de salários em atraso e, por isso, decidiram terminar a sua ligação à formação da Figueira da Foz, que na próxima temporada deverá disputar o Campeonato Nacional Senior (antiga II Divisão).

O SJPF acrescentou que a Naval 1.º de Maio, a Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP) e a Federação Portuguesa de Futebol (FPF) foram todos informados da situação dos três futebolistas.