Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Trabalhadores e sindicatos dizem que despedimento coletivo na Fesht é "uma vigarice"

Lusa

  • 333

Braga, 14 fev (Lusa) - Trabalhadores e sindicatos garantiram hoje que vão lutar "até às últimas consequências" contra o despedimento coletivo de 40 operários na Fesht Componentes, em Braga, que consideram "ilegal" e uma "vigarice completa".

"Querem despedir 40 trabalhadores e estão a recorrer sistematicamente, à socapa, a trabalho extraordinário e a prestadores de serviços. É uma vigarice completa", referiu o coordenador da Fiequimetal - Federação das Indústrias Metalúrgicas.

Rogério Silva, que falava à porta da empresa, durante uma manifestação de solidariedade para com os trabalhadores atingidos pelo anúncio do despedimento, acrescentou que se a decisão não for revista o caso irá parar a tribunal.